Com a evolução natural da indústria, o sertanejo foi assimilando timbres, flertando com sonoridades e se reinventando. É um verdadeiro caldeirão de arte! Pensando no valor desse rolê, listamos 3 artistas que mostram a variedade da música sertaneja.

1. Mariana Fagundes – É tudo delas

Mariana Fagundes caminha na direção correta (Foto/Divulgação)

A mulherada domina a cena. Com bastante talento, carisma e a sutileza única do toque feminino, as divas seguem emplacando sucesso e conquistando os lugares mais altos dos tops.

Em matéria de talento feminino, em meio a tantos ótimos nomes, a sul-mato-grossense Mariana Fagundes é destaque. Ciente de que pertence à prateleira de cima do cenário, a artista coloca sua voz diferenciada em um trabalho bem arquitetado e que dispensa imitações. Seu single mais recente é “Simbora Beber”.

2. Israel Lucero – O modernoso

Israel Lucero sabe como inovar o seu som (Reprodução/Facebook)

Gaúcho de berço, mas radicado em São Paulo, Israel Lucero tem 25 anos de idade. Apesar de jovem, o cantor tem uma experiência de veterano. Entre outras conquistas, em 2010, o artista sai como grande vencedor do reality show “Ídolos”.

Ao longo de sua carreira, Israel demonstra saber a hora de inovar. Sem nunca deixar de privilegiar o seu timbre de voz único, o cantor sempre flertou com as tendências e, por consequência, entregou ao público grandes canções. Sua música mais nova, “Relaxa”, tem: refrão marcante, feat., batidas eletrônicas, temperos de funk e a inconfundível voz sertaneja.

3. João Carreiro – É “raiz” que fala, né?

João Carreiro não brinca em serviço (Foto/Facebook)

Com seu estilo “bruto, rústico e sistemático”, o mato-grossense João Carreiro tem 36 anos de idade. Eis um artista jovem, cheio de lenha pra queimar e que defende as tradições da música sertaneja. Bastante experiente, João domina a arte de cantar sobre os lamentos, alegrias e virtudes do homem do campo.

Além de ter uma voz grave, potente e única, Carreiro é um tocador de viola de primeira categoria. No sistema dele, o laço é curto e a pegada é forte.

E se você curtiu as indicações acima, saiba que temos muito mais para seus ouvidos! Se liga nas playlists que representam o sertanejão na novíssima música brasileira. Com todo carinho do mundo, listamos músicas pra quem quer um som acústico, ou quer ir fundo na música raiz e também pra turma que só quer as novidades.