Com raízes na Jamaica, o reggae é um dos estilos musicais que mais resiste ao teste do tempo. Modinhas vêm e vão, mas a reggaeira continua sendo a música de resistência. Pensando na importância singular do estilo, nós listamos três artistas independentes que fazem a perfeita conexão da música brasileira com a jamaicana. ?? ??

Cidade Verde Sounds –  “Músico independente/Homem trabalhador”

Formada por Guilherme Adonai (vocal) e Paulo Dubmastor (produção), a banda Cidade Verde Sounds começou a caminhada artística em 2005, no Paraná. Bastante ligado nos conceitos do reggae de protesto, o grupo faz um som que mescla reggae roots, dub e rap.

Cidade Sounds

Duas almas, duas mentes, dois corações e muito talento (Foto/Facebook)

Com três discos, um EP e uma pá de singles na bagagem, a banda já fez shows em mais de 150 cidades brasileiras. Outro ponto forte de Guilherme e Paulo são as boas parcerias! Entre outras feras, a Cidade Verde Sounds já fez um som com nomes como Planta e RaizOriente e Fael. Com uma poesia sincera nas letras, o grupo deixa claro que trabalha por amor e não pensando na grana. Por mais artistas assim na música! ?️ ?

Alma Root’s – “O som vai rolar/A arma é a fé”

Formada pelos músicos Dennis Man (guitarra/vocal), Luís Paulo (baixo), Léo Batera (bateria/vocal), Nildo Viana (vocal/guitarra) e Filipe Fyah (teclado), a banda Alma Root’s surgiu em 2014. Atualmente, o quinteto é um dos destaques na cena de reggae feita no Piauí.

Com uma visão de mundo simples e humanitária, a banda procura fazer músicas que são antídotos contra ostentação, individualismo e mentes desocupadas. Palmas para esses cabras arretados! ?? ?

SoundFé – “Gente da paz que é capaz de lutar e de sorrir”

Fazer reggae longe da praia é 100% possível! Radicada em Brasília, a banda SoundFé é formada por Rick Macedo (bateria/vocal), Débora Kelly (voz), Ary Rogério (guitarra), Marcos Paulo (violão) e Welton Menezes (baixo). Em suas músicas, o quinteto combina as boas vibes reggaeiras com a essência do pop rock.

Quinteto faz músicas em nome da paz (Foto/Facebook)

Com fortes princípios espirituais, a SoundFé é engajada em questões sociais, como campanhas para doação de sangue. Importante: “a banda não se intitula uma banda gospel ou de alguma igreja, mas sim uma banda cristã com letras que pregam o Amor”. Para eles, o importante é espalhar a mensagem na mente de todos os públicos, religioso ou não. ? ?

Se você quiser desbravar o reggae brasileiro, nós temos uma ótima notícia pra você! ? ?

Por meio das playlists Reggae e Paz de Espírito, Good Vibes e Na Paz de Jah, você vai conhecer mais uma porção de gente talentosa que faz música para dançar com o corpo e com a alma!