No quis diz respeito ao fantástico mundo a MPB, 2018 caminha para o final de cabeça erguida. Felizmente, a gente aqui do Palco MP3 testemunhou uma série de ótimos lançamentos. Como citar todos os grandes trabalhos é impossível, selecionamos 3 obras que são exemplares.

1. Daniel Feittosa – o agitador cultural nordestino

Natural de Jaicós (PI), Daniel Feittosa é músico, compositor, intérprete, produtor e professor. Com mais de 15 anos de estrada, Daniel faz um som que flerta com as mais variadas sonoridades.

Daniel Feittosa ratifica a força do Nordeste na MPB (Divulgação)

Em meados de 2018, o artista lançou o EP “Ser”. Ao longo das quatro faixas autorais, o trabalho aborda temas cotidianos e comportamentais, incluindo consumismo, autoconhecimento e frustrações.

2. Paola Matos – a força quem vem do Sul

A gaúcha Paola Matos faz uma MPB que passeia no balanço do jazz, vibra com o samba e mergulha nos ritmos do universo cultural brasileiro.

A mágica do voo colorido de Paola Matos (Divulgação)

Seu novo trabalho de estúdio é o álbum “COR”, lançado em agosto de 2018. Ao longo de suas 14 faixas, o disco estampa mais um passo rumo à maturidade artística de uma cantora inquieta com a estética e com o mundo a sua volta.

3. Mateus Porto – “um rapaz latino-americano”

Nascido em uma família de músicos, em Pelotas (RS), Mateus Porto é compositor, violonista e guitarrista. Atuando como sideman, tocou com artistas dos mais variados estilos musicais. A partir de 2012, Mateus levantou o voo da carreia solo.

Matheus Porto é um sopro latino na música nacional (Divulgação)

Em 2018, o artista gaúcho lançou o álbum “Canto”. Ao longo de oito faixas, o disco dialoga com sonoridades latino-americanas. Além de sete músicas inéditas, a obra apresenta uma releitura instrumental de “Gracias a la Vida”, de Violeta Parra.