Para ser eficiente e eficaz, a divulgação artística tem como peças fundamentais o release bem escrito e as fotos bem clicadas. Neste post, nós vamos lidar com a questão que envolve a criação das fotos que você usa para divulgar a sua carreira.

As suas fotos são a sua imagem! É por meio delas que você dá o primeiro passo para apresentar seu trabalho aos profissionais da indústria musical. Pode parecer estranho, mas a alta qualidade de sua performance ou o esmero de sua produção musical não são elementos suficientes para fazer o seu trabalho circular entre produtores, divulgadores, radialistas, críticos, entre outros. Portanto, para o bem de sua carreira, tenha em mente a ideia de desenvolver intimidade com as lentes e câmeras! ? ?

Para dar uma iluminada nessa jornada, nós listamos aqui cinco dicas para que você tenha excelentes fotos de divulgação para sua carreira.

1. Escolha um bom cenário

A relação cenário x assunto fotografado deve dialogar em perfeita harmonia. Não faz muito sentido, por exemplo, suas fotos serem clicadas onde o local chame tanta (ou até mais) atenção do que você.

A banda Selvagens à Procura de Lei soube usar a paisagem natural como cenário (Foto/Divulgação)

Portanto, por mais que sua cidade tenha belas paisagens naturais e monumentos, procure aproveitá-lo de maneira que que a foto tenha mais cenário do que personagem fotografado.

2. Cuidado ao posar contraluz

Inimigo número 1 das fotos de divulgação, o contraluz acontece quando o que está atrás do assunto fotografado está mais iluminado que o próprio assunto. Suponha que ao fazer uma foto em um ambiente interno, atrás de você tenha uma janela que mostra o ambiente externo. Como do lado de fora tende a estar muito mais iluminado, sua imagem na foto ficará muito escura ou o fundo da foto vai ficar estourado.

Foto contraluz de Lana Del Rey resultou em um cenário estourado (Foto/Divulgação)

Outra condição do contraluz é quando a única fonte de luz está atrás da pessoa. Desta forma, o ideal é que a fonte de luz esteja atrás da câmera, iluminando o assunto fotografado de frente.

3. O foco é você!

Você é o principal assunto da foto de divulgação! Por isso, é importante que a sua imagem apareça no primeiro plano e bem enquadrada. Evite espaços desnecessários sobrando no topo e/ou no rodapé da imagem.

Foto de divulgação da da dupla Yara Tchê tem ótimo enquadramento (Foto/Divulgação)

A altura da câmera com relação ao assunto também é importante, na maioria dos casos, o ideal é que ela esteja alinhada com seu rosto.

4. Siga a “regra dos terços”

De acordo com essa regra, uma imagem é dividida em duas linhas horizontais e duas linhas verticais. Os quatro pontos de interseção dessas quatro linhas são os pontos onde os nossos olhos têm maior atenção. Desta forma, manter o assunto em algum desses pontos chamará mais a atenção, ou seja, o assunto centralizado nem sempre rende uma foto mais equilibrada.

Edu Gueda, o príncipe do sertanejo

Foto de Edu Gueda está dentro da “regra dos terços” (Foto/Divulgação)

Se você for um artista solo, o interessante que você ocupe um terço da imagem. Se você fizer parte de uma banda, o ideal é que os integrantes elaborarem uma disposição para que todos apareçam “bem na foto”.

5. Mantenha suas fotos atualizadas

Lembre-se que além das mudanças naturais que o tempo provoca, é comum o artista mudar o look e o figurino. Por isso, se você já tem um certo tempo de estrada, é interessante você fazer sessões de fotos de divulgação com certa frequência. Pode ser a cada disco, ou a cada turnê ou até mesmo a cada lançamento. Lembre-se que não pega bem o contratante divulgar o seu show com fotos de como você era no início da carreira.

Três exemplos de imagem de divulgação de banda Manitu (Fotos/Divulgação)

Curtiu as dicas, amigo leitor? Com esses cinco passos, você vai conseguir dar uma caprichada ainda maior nas suas fotos de divulgação! Lembre-se que sua imagem é a primeira ideia que os profissionais da indústria compram sobre o seu trabalho.

Sucesso e bons cliques! ? ? ⭐