Desde a adolescência, o paranaense Hub Quintino está inserido em projetos de música cristã. Com uma boa bagagem artística, ele teve passagem pelas bandas Sacramenthus, Kadox e atualmente segue seu ministério com projeto solo.

Em 2010 compôs a música “Deixe-me Viver”, tema da “Dia Nacional da Juventude”. Desde então, Hub tem participado de vários eventos dedicados às causas cristãs. O EP de estreia, “Protótipo do Céu”, foi lançado recentemente. A canção “Herdeiro da Promessa” é um dos destaques do álbum.

Além de um timbre de voz envolvente e muito bem gerenciado, Hub Quintino é dono de uma musicalidade ilimitada. Ao longo das músicas, ele demonstra que sabe transitar entre pop, black music, pop rock, soft rock e MPB. Felizmente, as qualidades artísticas de Hub não se limitam. Em conjunto com a imensa qualidade de intérprete, o artista é dono de um ótimo repertório. As músicas são cativantes, edificantes e feitas sob medida para o público jovem. Algumas canções, como “O Tempo”“Protótipo do Céu”, não devem em nada aos hits que dominam playlists e rádios de rock.

Hub Quintino é um artista de 1001 talentos (Fotos/Facebook)

A música cristã ainda faz parte de um nicho bastante específico. Em razão de um sem-número de questões, o estilo enfrenta resistências por parte da mídia e do público em geral. Porém, felizmente, Hub Quintino tem talento, desenvoltura e disposição para mudar o cenário. A novíssima música brasileira agradece!