A novidade é um termômetro interessante para medirmos a saúde da música. Nossos ídolos do passado merecem nossa eterna reverência, sem a menor dúvida! Todavia, como profetizou o mestre Belchior, “o novo sempre vem”. E quando esse novo é um combo de talento, honestidade artística, produções feitas com capricho, entre outros elementos, nós precisamos conferir bem de perto, concorda?

Por essas e outras, á estou para te aplicar alguns novos trabalhos que estão transbordando competência no cenário da música independente. São singles de artistas que sabem utilizar talentos para canalizar emoções, assumir papéis de representatividade e – sobreuto – escrever letras trabalhadas na poesia e no bom gosto.

Vamos, então, embarcar nesse garimpo? Te garanto, com toda sinceridade, que seus ouvidos e olhos estarão em ótimos lugares.

Calma – Dois Lados

Formado por Jéssica Senhorini (violão/voz) e Letícia Damaris (guitarra/voz), o duo Dois Lados está na estrada desde 2015. O som possui traços da pós-mpb com uma pitada de pop rock, indie e reggae. No geral, as canções são leves, instigantes, e as letras exalam amor e a reflexão. Em novembro de 2020, a dupla lançou o primeiro single do EP Quando Tudo Parece Estranho.

O Duo de indie pop Dois Lados lança novo EP
Letícia e Jéssica, Dois Lados, muito talento (Foto/Natália Caroline)

Intitulada Calma, a faixa acena com uma providencial mensagem positivista. Em tempos tão concretos e pouco poéticos, precisamos lembrar de inspirar, respirar e não pirar! De quebra, a música termina com uma gostosa e tímida gargalhada. Ah…. como é sublime a simplicidade!

Importante: o EP Quando Tudo Parece Estranho será lançado no dia 14 de dezembro. Para não perder essa e outras novidades, acesse o Palco MP3 do Dois Lados e clique em “virar fã” 😉

Batom Vermelho – Ablusadas

“O tempo passa, o tempo voa” e a cena independente da música feita em Minas Gerais só faz ficar mais respeitável. Essa credibilidade toda se dá por casa do surgimento de artistas inovadores, talentosos e visionários. Nesse contexto está a Ablusadas, primeira banda de blues brasileira formada exclusivamente por mulheres.

Integrantes da banda Ablusadas, mulheres brasileiras que tocam blues, posam de frente para um carro vermelho
Banda Ablusadas representam as mulheres do blues nacional (Foto/Iana Domingos)

Numa época em que o termo empoderamento feminino é tão associado ao sertanejo, ao funk ou ao brega, essas mineiras maneiras “nadam contra a corrente” e acenam com propostas sonoras diferentes. Cheias de personalidade, talento, composições bem trabalhadas, elas mostram que lugar de mulher é realmente onde ela quiser – inclusive tocando guitarra, saxofone, piano, trombone e toda sorte de instrumentos musicais. 

Na estrada de 2018, as Ablusadas acabam de lançar o primeiro clipe oficial da carreira. A faixa escolhida para marcar essa importante estreia na carreira foi Batom Vermelho, música cuja letra incentiva a habilidade para dizer mais não do que sim – contrariando a lógica de Lulu Santos.

Mas não se aflija, amigas e amigos, as negativas da banda são “justas, como toda forma de amor”! Em alto e bom som, elas transmitem força para se dizer: “Eu não aceito, eu não aceito, eu não aceito!”, sempre trazendo reflexões sobre questões femininas que precisam ser desconstruídas diariamente pela nossa sociedade. 

Só dê o play e curta as experiências sensoriais desse som:

Lugar – Sofá a Jato

Para cada vez que alguém disser algo sobre o rock nacional estar no CTI, eu tenho uma banda para provar que a realidade é bem diferente. Desta feita, a responsabilidade ficar nas mãos e instrumentos dos gaúchos da Sofá A Jato.

Diretamente de Porto Alegre, esse power trio mistura o cotidiano a um mundo de fantasias, e oferece fuga através do contraste de sintetizadores e sons terrosos.

Power trio Sofá a Jato, nome da cena gaúcha independente
Sofá a Jato é uma força do rock que vem do Rio Grande do Sul (Foto/Facebook)

Essa gurizada talentosa acaba de lançar o single Lugar. Com ecos de Tame Impala, mas sem desprezar a Tropicália, essa faixa descreve os devaneios que qualquer mente pode viver quando mergulhada em sonho.

Viu só como a música autoral brasileira é duma riqueza sem igual? E já que você chegou até aqui, que tal dar um help na divulgação 😉 Basta compartilhar o link deste post por aí, sempre marcando a galera que curte ouvir novidades. Juntos, espalhamos as boas canções com muito mais precisão e força…