O Dia do Samba é comemorado no dia 2 de dezembro. Na condição de principal manifestação musical de raízes africanas surgida no Brasil, o homenageado ilustre hoje tem mais de 100 anos de história. A história desse nosso patrimônio cultural tem raízes nos Estados de São Paulo, Bahia, Rio de Janeiro e Minas Gerais. 

Muito mais do que batuques e poesia, o samba tem como alicerce um contexto social. Durante longos anos, sobretudo em seus primórdios, esse tipo de música era marginalizado. Será que essa “condenação” se deu em razão do nosso homenageado ilustre de hoje ter sido o lugar de fala do povo que vivia esmagado nas periferias? Apesar dos pesares, a história seguiu seu curso e o samba conquistou seu espaço “no asfalto”. Mas… de um jeito ou de outro… fica aí o manifesto por uma sociedade sem “crucificação cultural”.

No post de hoje, vamos ter experiências com os trabalhos de 7 playlists que “não deixam o samba morrer”. São sambas de vários temperos, texturas e cores diferentes. O importante, no final das contas, é ninguém ficar parado! Simbora, na palma da mão!

Como surgiu o Dia do Samba?

O Dia do Samba é anualmente comemorado no dia 2 de dezembro. A data não tem conexão com o nascimento de Pixinguinha, nem de Zeca Pagodinho. Também não foi quando Donga gravou o primeiro samba, Pelo Telefone. 

Donga, Pixinguinha e João da Baiana, três ícones da velha-guarda do samba
Donga, Pixinguinha e João da Baiana: trio de ouro da velha guarda do samba (Reprodução/Internet)

Como o Dia do Samba anteriormente era celebrado somente nas cidades de Salvador e Rio de Janeiro, a história indica duas hipóteses para a instituição da data: 

  1. O Dia Nacional do Samba surgiu por iniciativa de um vereador baiano, Luis Monteiro da Costa, para homenagear Ary Barroso. Apesar de compor Na Baixa do Sapateiro, Ary nunca havia pisado na Bahia. Essa foi a data que ele visitou Salvador pela primeira vez.
  2. O dia do samba, a ser comemorado em 2 de dezembro, foi aprovado como lei estadual do Estado da Guanabara (atual município do Rio de Janeiro), conforme publicação no Diário Oficial do Estado da Guanabara, no dia 7 de agosto de 1964 da Lei n° 554, de 27 de julho de 1964.

Agora que já fizemos nossa recapitulação histórica, vamos acessar 7 playlists que “não deixam o samba acabar”. 

Playlists de samba no Palco MP3

O Palco MP3 é um espaço democrático e livre. Já que o Palco é casa de todos os gêneros de música, o samba é muito bem-vindo!

No diretório de samba no Palco MP3, consta sem-número de músicas artistas. São talentos que vão da velha guarda ao contemporâneo. A seguir, você confere algumas playlists protagonizadas por músicas desses sambistas tão emblemáticos.

Roda de samba

Surgido na Bahia, por volta de 1860, o samba de roda é a modalidade mais tradicional do estilo. É ligado ao culto aos orixás e caboclos, à capoeira e à comida de azeite. A parte instrumental é tocada por um conjunto de pandeiro, atabaque, berimbau, viola e chocalho, acompanhado principalmente por canções e palmas. 

Playlist do Palco MP3 reúne mais 3 horas de sambas de roda
Samba de roda tem vez no Palco MP3 (Reprodução)

Esse estilo resistiu ao teste do tempo, conforme você confere na playlist Roda de Samba. Tendências aparecem, desaparecem, mas a raiz não seca!

Samba no pé

“Quem não gosta de samba, bom sujeito não é/É ruim da cabeça ou doente do pé”, como bem disse o inesquecível poeta Dorival Caymmi. Além de ser um estilo de música, o samba é um tipo de dança!

Samba no pé é uma playlist para quem quer músicas para sambar e dançar
Playlist especial para sambar (Reprodução)

A playlist samba no pé é repleta de músicas para quem quer dançar, sambar, jogar tudo pro alto… extravasar!

Samba romântico

Toda hora é ideal para falar de amor, correto? As coisas do coração são algumas das mais importantes da vida.

Samba romântico, músicas sobre relacionamento, tudo isso e mais na Playlist Samba Romântico
Playlist para falar de amor (Reprodução)

Na playlist Samba Romântico, você ouve hits que abrangem vários temas sobre relacionamento. Das canções pra quem tá numa boa aos sambas pra quem tá na bad, essa seleção de músicas é simplesmente perfeita!

Se joga no samba

“Tá a fim de sambar, já pode chegar”, diz o verso de um dos clássicos do grupo Os Morenos. Quando der um clique na playlist Se joga no samba, você não terá motivos pra ficar parado.

Playlist se joga no samba reúne músicas para quem quer sambar no estilo
A melhor seleção de músicas para quem quer “meter o pé na jaca” (Reprodução)

Confie em mim: a playlist acima anima batizado, casamento, divórcio, mesa de bar e tudo mais o que você quiser! Dê o play e confira um dos sons que fazem esse agito:

Samba & churrasco

A tríade samba, futebol e churras é um elemento para unir amigos ao redor ro Brasil! Fim de semana com essa combinação, não tem como dar ruim. É só alegria!

Playlist reúne os melhores sambas para tocar num churrasco
Festeja com o que há de melhor no samba (Reprodução)

Os “comes e bebes”, bem como a resenha (por agora, tem quer online) com os parças, ficam na sua responsabilidade. Do lado de cá, eu te aplico a playlist Samba & Churrasco. Agora, é com você!

Instrumentos típicos de samba
Pandeiro, cavaco e instrumentos percussivos formam as bases do samba (Reprodução/Internet)

E já que chegou até aqui, que tal fazer as comemorações do Dia do Samba chegarem mais longe? É simples: basta curtir e compartilhar o link deste post, sempre marcando a galera que curte o que há de mais valioso na cultura brasileira.