Eis o tipo de som que mais cresceu nas paradas e sucessos e playlists de música brasileira. Bastante popular no Nordeste, o Brega Funk teve paciência para não morrer na praia e conquistar mentes e corações ao redor do Brasil.

Como não poderia ser diferente, o estilo provocou um tsunami de artistas. Logo, a curadoria do Palco MP3 teve um extenso catálogo para lapidar e chegar nos três discos fundamentais para apreciar o gênero musical que mais cresce.

Espero, de verdade, amigo leitor, que você aprecie o material!

Aldair Playboy – No Ritmo do Playboy

Se o brega funk hoje é uma realidade, parte disso é por causa do Aldair Playboy. Com sua coragem, persistência e canções feitas para fisgar o público, Aldair soube conquistar um lugar cativo no jogo que é a indústria fonográfica.

Aldair Playboy é um ídolo da música brasileira popular (Imagem/Facebook)

Com o disco No Ritmo do Playboy, esse jovem artista cearense deixa claro que não será enterrado pelo sucesso Amor Falso. Vai por mim: o cara tem repertório e sabe como tirar coelhos da cartola. Sucesso incontestável!

Khalfani do Paredão – MLK Piranha

Veterano no rolê, Khalfani do Paredão tem uma década de carreira. Bastante versátil, esse cearense arretado também é um mestre nos estilos batidão, bregadeira, rap e forró romântico.

Khalfani do Paredão, o “MLK piranha” do brega funk

Consequentemente, esse caldeirão sonoro rende um brega funk cheio de referências. Com o disco MLK Piranha, Khalfani entrega ao público sete músicas que carregam em seu DNA o poder de não deixar ninguém ficar parado.

Elvis – O Menino do Vem

O que dizer de um cara que tem nome de rei? Simples: nasceu para conquistar as multidões! E é exatamente isso que a voz inconfundível e carisma único ajudam o MC Elvis a fazer.

Elvis é um ícone do brega funk (Imagem/Palco MP3)

Com o EP O Menino do Vem, Elvis mostra um perfeito cartão de visitas. São cinco músicas que garantem o sucesso de qualquer festa.