O cantor Fábio Mahan recentemente lançou o trabalho “Algo Novo”. Gravado ao vivo, em Goiânia, no dia 13 de novembro de 2017, o projeto rendeu um DVD. Além de Naiara Azevedo, o projeto contou com as participações especiais de Felipe Araújo, João Neto & Frederico e Diego & Arnaldo. A produção musical ficou nas mãos de Blener Maycom, um dos produtores mais respeitados e requisitados do sertanejo atual.

Artista está com novo trabalho na praça (Imagem/Site Oficial)

Lançada em dezembro passado, a faixa “Como é Que Fala Não?” foi o primeiro single do disco. Contando com uma brilhante participação de Naiara, a faixa é um brega romântico de primeira categoria. Sem dúvidas,  o ponto mais notável dessa canção é a perfeita combinação de timbres, isto é, o ouvinte é agraciado com o talento de dois intérpretes que realmente sabem cantar e possuem vozes deliciosamente afinadas.

Por sua vez, “Alucinou” é uma prova musical de que o artista brasileiro é capaz de produzir pop dançante. De forma inteligente, a canção abre mão de apostar nos mesmos batidões que consagraram a turma do mainstream e investe em um som menos linear e mais diversificado. Com bastante piano e saxofone, essa canção é perfeita para agitar as playlists e baladas dançantes. Resgatando o clima do lual, “Segredinho” é a música mais cativante do DVD. Em menos de 3 minutos, a faixa  transita entre o sertanejo, o pop e o pagodinho!

Outros pontos altos da obra são os feats. Na intensa “O Plano Falhou”, Fábio Mahan canta com o não menos talentoso Felipe Araújo. Por sua vez, em “Casa Velha”, Mahan divide os vocais com João Neto & Frederico. Apostando em letras joviais, cujas linguagens atendem às demandas do público, os duetos não poderiam ter sido mais acertados.

Um trio de primeira categoria (Imagem/Divulgação)

Como um bom sertanejo caminha de mãos dadas com a sofrência, Mahan também “chora suas pitangas”. Sem soar apelativo ou repetitivo, na faixa “Inconsciente” o artista canta sobre “saudade engasgada” e “coração de ressaca”.

Por fim, mas não menos importante: fazendo jus ao seu título, “Algo Novo” é um trabalho realmente inovador. Sem medo de ousar e contando com o feeling certeiro de Blener Maycom, Fábio Mahan entrega ao público 13 músicas que promovem a conexão entre o sertanejo e várias outras correntes musicais. No fim das contas, o trabalho enobrece o que há de melhor na novíssima música brasileira.