Em período de isolamento social, ouvir músicas em casa tem sido o melhor remédio para curar a ânsia  do público que curte marcar presença em shows e eventos. Pensando nisso, a dupla Vitor & Cadu fez o Show Online, na última semana de março.

Com o intuito de levar ainda mais entretenimento, de maneira leve e segura, a dupla preparou o projeto Modão Em Casa, captado na mesma noite do Show Online. Ao total, são 10 faixas escolhidas a dedo, para relembrar os tempos em que os artistas cantavam nos bares da vida de Campo Grande (MS).

No bom e velho formato voz/violão, a dupla encontrou a maneira perfeita para mostrar a qualidade de um poderoso  repertório dividido em dois volumes. O primeiro engloba canções do sertanejo universitário, com regravações de Maria Cecília & Rodolfo, Gusttavo Lima, Jorge & Mateus, entre outros.

DUpla Vitor e Cadu fazendo um som no conforto da sala de casa

Tocando em casa, Vitor & Cadu estão bem relax (Foto/Facebook)

Já a segunda parte do projeto parte pro lado mais clássico do sertanejão, incluindo novas versões para músicas de Zezé Di Camargo & Luciano, Edson & Hudson, João Paulo & Daniel e Durval & Davi. Em resumo, artistas que fizeram parte da construção musical de Vitor & Cadu.

Lançado pelo gravadora MM Music, o Modão Em Casa já está no Palco MP3 de Victor & Cadu. A seguir, você confere uma análise de faixa a faixa do disco 😉

Vida Pelo Avesso 

Clássico de Durval & Davi, Vida Pelo Avesso também é emblemática nas vozes de Eduardo Costa e de Chitão & Xororó. Que responsa, hein? Com sua perfeito combinação de vozes, Vitor & Cadu não decepcionam e registram mais uma ótima versão para esse hit.

Duas Vidas, Dois Amores

Música importantíssima para a carreira de Edson & Hudson, Duas Vidas, Dois Amores é sofrência em seu estado mais bruto! Emoldurada pela suavidade ímpar do violão, a interpretação de Vitor & Cadu deixa a canção ainda mais dramática e reflexiva.

Solidão A Três

O repertório de Zezé & Luciano é todo clássico, concorda? Sendo assim, nada melhor do que resgatar uma canção meio que esquecida pelo grande público. Com uma brilhante e emotiva regravação, Solidão A Três ganha contornos surpreendentes e preparados para a nova geração.

Que Dure Para Sempre

Essa maravilhosa composição do Peninha marcou as carreiras de João Paulo & Daniel e do Negritude Júnior. Trata-se de uma música que Vitor & Cadu ouviam no rádio, quando crianças, e, por isso, a memória afetiva fala mais alto. Com bastante sabedoria, a dupla segurou a onda nas notas mais altas e fez Que Dure Para Sempre soar de um jeito perfeito.

Linda, Linda

Vitor & Cadu realmente gostam de Zezé & Luciano, e isso é ótimo! O melhor de tudo é a capacidade que a dupla sulmatrogrossense tem de resgatar canções maravilhosas. Em 1992, Linda, Linda fez muito sucesso! Mais de duas décadas depois, com um ótimo verniz acústico, Vitor & Edu colocam essa canção nor adar das novas gerações de fãs do sertanejão.

Os Dias Vão

Representantes legítimos da primeira geração do sertanejo universitário, Maria Ceília & Rodolfo fez a cabeça de Vitor & Edu. Para homenagear seus “querídolos”, a dupla mandou uma ótima versão para Os Dias Vão. O destaque fica por conta da batida do violão, que é capaz de levantar qualquer baixo astral causado pela quarentena.

Tempo Ao Tempo

De fato, Jorge e Mateus é uma dupla que influenciou todo mundo que veio depois. O diferencial, no entanto, é quando um artista sabe mostrar a diferença entre referência e imitação. E é exatamente isso que Vitor & Cadu fizeram ao regravar Tempo Ao Tempo.

Falando Sério

Pensa numa música que tocou muito nas rádios e playlists do Brasil inteiro? Então, Falando Sério ajudou bastabte na popularização da dupla João Bosco & Vinícius, ou seja, já é um clássico. Regravar um grande hit, nunca foi fácil! Mas com suas habilidades no vocal e no violão, Vitor & Cadu conseguiram manter toda a essência desse hit 👏

Labirinto

Bastante importante nas carreiras das duplas Marco Aurélio & Paulo Sério e César Menotti & Fabiano, Labirinto é peça fundamental na história do sertanejo moderno. Em sua versão, Vitor & Cadu não decepcionam e entregam uma interpretação à altura das demandas emandas pela atmosfera contagiante da letra e do arranjo.

Volto Pra Você

No início da carreira, Gusttavo Lima era mais romântico e menos baladeiro. Não que virar a chave seja ruim, longe disso! Porém, ninguém pode negar que falar de amor na música sertaneja tem todo um requeinte a mais. E é aí que, mais uma vez, Vitor & Cadu não jogam pra torcida e resgatam uma ótima canção que faz a gente viajar no tempo…

Por fim, mas não menos importante: com seu ótimo projeto revisionista, Vitor & Cadu cumprem um dos papéis da música: trazer alento, alegria e esperanças. Da escolha do repertório, passando pela introspecção dos arranjos e enaltecendo a interpretação vocal, a dupla deixa bem claro que está pronta para entrar no panteão dos gigantes do sertenjo.

Dica: quando tudo isso acabar, não deixe de conferir o show desses dois bem de perto 😉