Formada pelos músicos Denis Pinhoti (voz), Hector Marks (violão), Carlos Makdisse (cavaquinho), Bruno Amaral (backing vocal) e Niko Torres (backing vocal), a Banda FUN7 está na estrada desde 2016. Com bastante desenvoltura, o quinteto apresenta uma som que mistura pop, reggae, reggaeton, samba e funk.

Banda mostra que “SambaPop” tem seu lugar (Imagem/Divulgação)

Em novembro do ano passado, na companhia de uma azeitada banda de apoio, a banda levou sua salada sonora para o Estúdio Showlivre e registrou um álbum ao vivo. O disco abre com a hipnótica e tribal “Quando Eu Vejo Você”, uma canção que tem potencial para empolgar qualquer trio elétrico. Na sequência, o violão contagiante da pegada quase pop rock de “Química No Ar” mantém a energia lá em cima.

Outro grande momento do disco é “Gestual”, uma faixa cuja pegada reggae pop e a letra romântica formam a combinação ideal para mandar a real para o crush. Com cara de single, “Feijão Com Arroz” mostra a identidade mais pop da banda. E por falar em single, “Sem Papo” é a faixa escolhida para apresentar o trabalho ao público. Curiosamente, trata-se da canção que mais representa o estilo “SambaPop” defendido pela banda.

Por fim, mas não menos importante: ao longo de 10 faixas, o grupo mostra um repertório que reflete a vivência de cada integrante da banda. São 5 caras que colecionam diferentes experiências de vida e sempre ouviram os mais variados estilos de música. No fim das contas, eles se juntaram com o intuito de “fazer um som” e proporcionar diversão. Como caminha na contramão da erotização, do hedonismo e da sofrência que guiam os rumos dos sucessos atuais, o som ensolarado do grupo FUN 7 acaba sendo a alternativa ideal para quem quer conhecer um lado diferente de música brasileira popular.