A cena mineira de pop rock sempre foi uma das mais fortes da música brasileira. Natural da cidade de Governador Valadares, a banda Macaco Véi honra as tradições musicais da terra que é berço de gente que vai do Clube da Esquina ao Sepultura.

Formada em 2012, a banda é escalada por João Paulo Moraes (voz / guitarra)Airam Coelho (bateria)João Vitor Dias (baixo)Luiz Cláudio (trompete)Vandeco Garcia ( trombone). Com seis anos de estrada, a banda já conquistou alguns prêmios importantes, como o “Festival Independente Day” e o “Concurso de Bandas Festival Ecologic”, gravou clipes e dividiu o palco com astros da música brasileira popular e participaram de coletâneas de música independente.

Álbum de estreia resgata a irreverência no pop rock nacional (Imagem/Divulgação)

Demonstrando altas doses de entrosamento e maturidade artística, esse quinteto de “mineiros maneiros” faz um som que encorpora elementos temperos de música soul, pop rock e reggae. Munidas de irreverência, alto astral e doses de reflexão, as letras da banda são um verdadeiro festival para os sentidos. Com o sugestivo título “Selva de Pedra”, o disco de estreia do Macaco Véi foi lançado em 2017. Entre outros destaques, o trabalho imortaliza as faixas “Identidade Parcial”, “Sabiá” e “Soul Macaco”.

Sem seguir tendências e abrindo mão de imitações, a banda apresenta um trabalho vigoroso, alto astral e bem lapidado. O que a novíssima música brasileira mais precisa, sobretudo no cenário do pop rock, é de artistas que acreditam no próprio som e não fazem questão de “jogar pra torcida”. Longa vida ao Macaco Véi!