Ter contatos, conhecer “alguém, que conhece alguém, que é ‘o cara’ de um determinado rolê” e trocar cultura são fundamentos essenciais para uma carreira artística. Desta forma, o networking é uma das engrenagens que movimentam o nosso meio musical.

Neste post, você vai ficar por dentro de 5 feiras internacionais que podem te ajudar a colocar seu trabalho para dialogar com outros públicos, outros mercados e outras culturas. Se não tiver como ir ainda em 2019, não desanime! Esses eventos são anuais e dá tempo de se programar para as próximas edições.

1. Midem

Quando: de 4 a 7 de junho.
Onde: em Cannes, na França.
O que: é focada exclusivamente em música. Reúne importantes players, de altos executivos de gravadoras e serviços de streaming a artistas de renome, pensadores do mercado musical e criadores de projetos inovadores para trocar experiências, debater e fechar negócios.

As inscrições para participar de um projeto tipo songcamp, chamado Artist Accelerator, acontecem sempre nos meses de novembro, e, para a próxima edição, os 11 artistas que se apresentarão já foram escolhidos e anunciados. Mas é possível participar das oficinas, debates e outros eventos nos quais os medalhões estarão presentes, o que também deriva em boa possibilidade de se fazer conhecer. Selos, startups e artistas com projetos inovadores têm descontos.
Como participar: conheça os preços em https://www.midem.com/visit/.

2. Womex

Quando: de 23 a 27 de outubro.
Onde: a feira é alemã, mas fará sua edição de 2019 em Tempere, na Finlândia.
O que é:  é possível participar dos showcases, apresentando-se em palcos alternativos para as milhares de pessoas que passarão por lá, montar um estande ou até mesmo organizar um evento ou ação de marketing e fazer diferença.
Como participar: Neste link há um contato de e-mail com os curadores dessas ações e orientações sobre como submeter uma proposta: https://www.womex.com/promotion.

3. NAMM Musikmesse

Quando: a próxima edição será de 12 a 14 de setembro.
Onde: Moscou, na Russia.
O que é: Russia – Organizada pela entidade oficial das feiras de Frankfurt, já teve sete edições em Moscou. Com 12 mil visitantes, 230 expositores e milhares de euros em negócios fechados, é uma das maiores da Europa.

É possível participar dos espaços expositivos, onde DJs, bandas e intérpretes solo se apresentam. Também há oficinas e palestras, exposição de instrumentos e novidades tecnológicas da área musical e sessões de negócios.

Como participar: mais informações em https://namm-musikmesse-russia.ru.messefrankfurt.com/moscow/en.html.

Uma música não pode morrer nuam fita K7 que ninguém ouve

Fazer networking é um ótimo jeito para que sua música não fique perdida por aí (Foto/Pexels)

4. Cremona Musica International Exhibitions

Quando: de 27 a 29 de setembro.
Onde: Cremona, perto de Milão, na Itália.
O que é: Realizada desde 1988, essa é uma feira diferente das demais. Seu foco é na exibição de novidades em instrumentos musicais de alta gama, como pianos, violinos e instrumentos sopros.

Músicos podem participar tocando esses instrumentos nos estandes e, assim, mostrando seu talento a grandes compradores internacionais. Segundo a organização do evento, passam por lá inúmeros maestros, programadores de concertos e outros players do mercado.
Como participar: saiba mais sobre a feira neste link e veja como tentar participar: http://www.cremonamusica.com/en/how-to-exhibit/.

5. Music China

Quando: a próxima edição será de 10 a 13 de outubro.
Onde: em Xangai, na China.
O que é: maior feira de música do gigante asiático, é dedicada principalmente à apresentação de instrumentos. Como a Cremona Musica italiana, também tem oportunidades para intérpretes. Uma possível porta para mostrar-se no suculento mercado asiático.
Como participar: veja mais sobre o evento e sobre como participar em http://www.musicchina-expo.com/en/index.html.

Namm Musikmesse é uma das grandes feiras musicais da Rússia

Toda feira oferece painéis que agregam aprendizado (Foto/Namm Musikmesse)

Bônus

Classical: Next

Quando: terá sua próxima edição de 15 a 18 de maio, mas ainda dá tempo de participar!
Onde:  em Roterdã, nos Países Baixos.
O que é: focada exclusivamente em música clássica e de concerto. A programação dos showcases já está fechada, mas há uma série de palcos alternativos fora da programação oficial na qual também é possível mostrar seu trabalho (seja você compositor ou intérprete).

De igual maneira, haverá uma sessão de apresentações de novos projetos e a possibilidade de comprar espaços promocionais e realizar ações de marketing.
Como participar: saiba mais em http://www.classicalnext.com/promote.

Continue ligado

E se você quer moldar, profissionalizar e alavancar seu trabalho artístico, não deixe de conferir as matérias da coluna Dicas de Carreira. Os conteúdos dos posts são preparados com a intensão de dar novas perspectivas, de despertar insights e, sobretudo, de sempre ajudar a corrigir uma ou outra situação que faça a diferença na caminhada.

Neste post, por exemplo, você tem um guia completo de como registrar suas músicas. Já aqui, o papo é sobre planejar lançamentos. Mas se o seu interesse for aumentar o número de plays do seu Palco MP3, não deixe de clicar neste link.

P.S.:

Este post foi escrito com base em informações da UBC.